Pesquisar este blog

ANÚNCIO PUBLIPT

ANÚNCIO PUBLIPT

ANÚNCIO DATAHOSTING

ANÚNCIO DATAHOSTING

PAYEER - Pagamento Eletrônico - Internet

sexta-feira, 3 de junho de 2016

Questão de português que cai em concurso: Você sabe resolver essa?

Publicado em 1 de Junho de 2016 às 15h






Devido ao momento de incertezas econômicas no Brasil, muitos profissionais começam a pensar na estabilidade dos concursos públicos.

A quem vai ingressar nesse interessante mundo fica uma dica: tenha o hábito de estudar os aspectos normativos de nossa Língua Portuguesa.

Neste ano, em mais um concurso do Tribunal de Justiça, a banca VUNESP trouxe a seguinte questão:

Assinale a alternativa em que o pronome destacado está empregado de acordo com a norma-padrão.

(A) O mundo conhece a paz graças aos povos, governos, classes sociais e indivíduos, cuja luta a garante.
(B) O direito é uma força viva, onde os homens batalham incessantemente para manter.
(C) A Justiça tem numa das mãos uma balança, cuja representa a garantia de que o direito será pesado, ponderado.
(D) A luta garante a conquista dos direitos da humanidade, o qual os princípios mais importantes dela foram atacados.
(E) Há milhares de indivíduos onde a sua vida se desenvolve tranquilamente e sem obstáculos.

Você sabe? Tente descobrir a resposta antes de ler a resposta!


Mesmo que o candidato não tenha tanta intimidade com as regras, é fundamental saber que o pronome relativo “onde” só pode fazer referência a lugar, localidade. Assim sendo, diante da escolha de uma alternativa, já se eliminam as opções B e E (com os termos anteriores não locativos).

Nas opções C e D, os relativos “cuja” e “o qual”, além da ideia incoerente, não estabelecem os princípios de concordância e referência exigidos.

A resposta correta, pois, é a letra A – com o bom uso do relativo “cuja”, entre nomes, estabelecendo a ideia de posse entre o posposto e o anteposto.

Diante da questão de concurso e no intuito de ressaltar o bom uso do relativo locativo “onde”, brindo este momento com um trecho da belíssima obra O Primo Basílio, do escritor português Eça de Queirós:

“Deve chegar por estes dias a Lisboa, vindo de Bordéus, o Sr. Basílio de Brito, bem conhecido da nossa sociedade. A sua Excelência que, como é sabido, tinha partido para o Brasil, onde se diz reconstituíra a sua fortuna com um honrado trabalho, anda viajando pela Europa desde o começo do ano passado. A sua volta à capital é um verdadeiro júbilo para os amigos da sua Excelência que são numerosos. ”

Em ratificação à norma gramatical, vejamos que, logo após citar o Brasil, o benquisto escritor usa o relativo “onde” – com a correta referência ao lugar.













POR FAVOR, CLIQUE NO LINK ABAIXO E VÁ PARA A PÁGINA FONTE:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ANÚNCIO BIDVERTISER 20

ANÚNCIO BIDVERTISER 21

Anúncios AnunciAD 02

Anúncios Clique Banner 04

Anúncios Clique Banner 03

ANÚNCIO BIDVERTISER 22

ANÚNCIO BIDVERTISER 23

Anúncio Imagem Folheados 05

Anúncio Imagem Folheados 08

Anúncio Imagem Folheados12

PROGRAMA DE AFILIADOS IMAGEM FOLHEADOS 06

PROGRAMA DE AFILIADOS IMAGEM FOLHEADOS 12

PROGRAMA DE AFILIADOS IMAGEM FOLHEADOS 18

ANÚNCIO BIDVERTISER 24

ANÚNCIO BIDVERTISER 25

google.com